sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Preste atenção quando falam com você!

Outro dia, no elevador, encontro um vizinho que logo pergunta: como vai a Lara? Agradeço, sorrio, confirmo que vai ótima, linda, fofa e feliz. Os números descem devagar, e eu não contenho minha gentileza:

- E a sua netinha, como está?
- Neta? Mas eu nem tenho filhos!

Minha cara era uma placa laranja, um triângulo no meio da estrada, o cone do transtorno em obras da vida alheia... Como diabos fui construir toda uma família-relâmpago para aquele sujeito que nem noivo deve ser?

- Desculpe, eu devo ter te confundido com o... aquele da... a porta dos fundos dava de frente para...

E logo identifiquei o tamanho do mico, porque realmente há um vizinho que é recém-avô. Mas ele deve ser uns 20 anos mais velho do que o meu colega de elevador, que, visivelmente, não tem idade para ser avô nem de um espermatozóide!

Minha filha, não vá ser como a mamãe.

Olhe para as pessoas. Preste atenção quando estão falando com você, mas, principalmente: MANTENHA A CALMA. Respire. Não fique pensando “o que eu devo dizer agora?” quando alguém perguntar que horas são.

Se você for tímida – como seu irmão, como sua mãe -, não se sinta sozinha. Há milhares de tímidos no mundo, e todos eles podem e devem ser felizes e dar certo na vida. Só tenho um pedido: preste atenção.

Sou péssima fisionomista e também não sou capaz de dizer se alguém que passou aqui do lado é alto ou baixinho. Se você for como eu, invente algum jeito de se sair melhor. Olho fixo no detalhe, por exemplo: se não puder guardar o rosto inteiro, pelo menos grave que o nariz de fulano tem a forma do Pão de Açúcar...

Mas não diga isso!

Quando for para fazer obras na vida alheia, faça em silêncio. E sorria, sorria como quem desliza de bondinho sobre a Baía de Guanabara.

(Mas como sou boba, imagina se você vai sofrer disso. De todo modo, leve este casaquinho.).

5 comentários:

Dri disse...

Eu sou dona de dar esse micos...heheh
Uma vez perguntei a um primo que não via há muito tempo.."nossa que linda é sua noiva? Não é minha irmã. ahahahh, imagina que eu nem reconheci a minha prima affffff

bibi disse...

Hahaha! Dri, em família é graaave!
;o)
Beijos.

Anônimo disse...

NOssa, tu esta pior do que eu, e eu que achei q era a rainha dos micos... Me superou!

Anônimo disse...

Bibi, súper normal o furo,liga não. O principal vc já faz, que é perceber o quanto é difícil prestar atenção nos outros. Lembre-se que metade do mundo nem se lembraria de perguntar de volta!!
ps: LINDO o texto!! Continuo apaixonada pelas suas crônicas...
Escreva mais, mais, mais!!!
Laira
(a mãe dos gêmeos fofinhos, que entrou aqui por acaso e virou sua melhor amiga de infância. Estou aqui sempre, mas não comento porque não consigo pensar em nenhum comentário à altura, mas AMO sempre!!)

Elys disse...

Eu tb amoooo, S E M P R E !!!!
Beijos

Elys ;-D